O Minecraft dá o primeiro passo em direção ao código aberto, liberando parte de seu código-fonte

Depois de uma semana de anúncios e manchetes interessantes que o MineCon Earth 2021 nos deixou, algumas novidades incríveis estão chegando, e não é nada, porque Minecraft dá um passo em direção ao código aberto, liberando parte de seu código-fonte. Em outras palavras, parte do código do mecanismo que faz o Minecraft funcionar será disponibilizado para quem quiser baixá-lo para usá-lo da maneira que quiser.

Especificamente, a Mojang lançou até agora duas livrarias, que são Brigadeiro sim Fixador de dados superior. Embora no futuro novas bibliotecas sejam lançadas. O próximo a sair pode ser Blaze3d, que não é nem mais nem menos do que a reescrita do motor de renderização do jogo, que chegará com a futura versão do Minecraft.

Atualização: Minecraft versão 1.14 já está disponível.

As bibliotecas publicadas são sob licença do MIT, para que todos possam contribuir para melhorar o código-fonte da versão Java do Minecraft, o que se traduz na possibilidade de colaborar para melhorar parte do jogo. Mas não só isso, também pode ser do interesse dos modders, que podem usar o código-fonte para melhorar as modificações do jogo e até mesmo evitar cortar essas linhas de código se estivermos desenvolvendo um jogo.

O anúncio vem da equipe de desenvolvimento da versão Java em Estocolmo, liderada por Nathan Adams, conhecido como Dinnerbone. Aqui estão suas palavras sobre o lançamento de parte do código-fonte:

Bibliotecas são pequenas partes do mecanismo de jogo. Criamos bibliotecas autônomas que o Minecraft usa a partir de Código aberto. Qualquer pessoa pode coletá-los e usá-los em seu próprio jogo. Basicamente, qualquer pessoa pode contribuir e ajudar a melhorar nosso mecanismo de jogo.

Que tal a ideia de ter algum código-fonte do Minecraft lançado para a comunidade? Você tem alguma ideia do que poderia ser feito? Deixe-nos saber nos comentários!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *